terça-feira, 8 de fevereiro de 2011

Elza Soares - Do coccix ao pescoço



O ciúme dói nos cotovelos
Na raiz dos cabelos
Gela a sola dos pés
Faz os músculos ficarem moles
E o estômago vão e sem fome
Dói da flor da pele ao pó do osso
Rói do cóccix até o pescoço
Acende uma luz branca em seu umbigo
Você ama o inimigo
E se torna inimigo do amor
O ciúme dói do leito à margem
Dói pra fora na paisagem
Arde ao sol do fim do dia
Corre pelas veias na ramagem
Atravessa a voz e a melodia

Essa interpretação de Elza acaba comigo!

Um comentário:

  1. Acaba comigo tb... foi lá no fundo! Eitcha lêlê!

    ResponderExcluir